Natura
cuide de voc

Pode uma emoção forte provocar um enfarte? Médica responde

"Express√Ķes como 'quase morri de susto' sugerem que emo√ß√Ķes fortes poder√£o levar a quadros de morte s√ļbita de diferentes causas, nomeadamente por enfarte. Mas ser√° isto verdade?", questiona Isabel Quelhas, m√©dica cardiologista do Hospital CUF Porto, num artigo de opini√£o que partilhou com o Lifestyle ao Minuto.

Por Palmir Cleverson Franco em 23/07/2020 às 18:28:14
CAUSAS DE ATAQUE CARDÍACO

CAUSAS DE ATAQUE CARDÍACO

Emo√ß√Ķes fortes ou estados de desequilíbrio emocional est√£o associados a maior incid√™ncia de eventos cardíacos, nomeadamente a maior incid√™ncia de enfarte agudo do mioc√°rdio. Tal fato deve-se à a√ß√£o do 'stress' no sistema nervoso simp√°tico, com o aumento da frequ√™ncia cardíaca, da tens√£o arterial e da constri√ß√£o dos vasos, bem como o aumento de subst√Ęncias respons√°veis pela atividade inflamatória dos vasos e pela viscosidade do sangue. Todas estas a√ß√Ķes levam à instabilidade e rutura da placa de ateroma (placa com conteúdo gordo localizada no interior dos vasos) que se encontra vulner√°vel, bem como à forma√ß√£o de trombos intracoron√°rios. Assim, é verdade que as emo√ß√Ķes fortes podem provocar enfarte do mioc√°rdio! No entanto, existem outras situa√ß√Ķes cardíacas agudas que s√£o despoletadas por emo√ß√Ķes fortes ou estados de desequilíbrio emocional. Destas situa√ß√Ķes destaca-se, em particular, a Cardiomiopatia de Stress vulgarmente designada de Síndrome do cora√ß√£o partido.

A Síndrome do cora√ß√£o partido, inicialmente descrita por médicos japoneses no início dos anos noventa do século XX como Síndrome de Takotsubo, consiste numa altera√ß√£o transitória do funcionamento do músculo cardíaco, que adquire a forma de um 'Takotsubo' (Tako – polvo e tsubo – jarro, armadilha usada pelos japoneses para procederem à apanha de polvos).

Como se manifesta esta doença?

Esta síndrome manifesta-se sob a forma de dor tor√°cica ou falta de ar, semelhante às queixas que surgem no enfarte agudo do mioc√°rdio. O doente apresenta altera√ß√Ķes do eletrocardiograma (ECG) semelhantes às do enfarte agudo do mioc√°rdio, assim como uma subida do valor das enzimas que se libertam quando existe morte das células do músculo cardíaco. Caracteristicamente, esta dor surge após uma emo√ß√£o forte ou durante um estado de desequilíbrio emocional, e a subida do valor das enzimas cardíacas é desproporcionadamente baixo para a extens√£o das altera√ß√Ķes que surgem no ECG. Para além disso, as altera√ß√Ķes do funcionamento do músculo cardíaco abrangem v√°rios territórios vasculares, ao contr√°rio do que acontece no enfarte agudo do mioc√°rdio, e s√£o transitórias, desaparecendo ao fim de alguns dias do início do evento agudo.

A Síndrome do cora√ß√£o partido é respons√°vel por cerca de 1 a 2% dos casos de suspeita de enfarte agudo do mioc√°rdio, na popula√ß√£o geral. Atinge maioritariamente mulheres idosas ou após a menopausa. É habitualmente despoletado por uma condi√ß√£o física, psicológica ou doen√ßa que condiciona elevada liberta√ß√£o das hormonas de 'stress'. Tem car√°ter transitório com recupera√ß√£o integral ao fim de umas semanas. É uma doen√ßa com curso clínico maioritariamente benigno, podendo evoluir, no entanto, e em algumas situa√ß√Ķes, para um quadro de choque ou mesmo morte.

Passados quase 30 anos após a primeira descri√ß√£o da síndrome do cora√ß√£o partido, ainda n√£o existem certezas acerca do mecanismo que origina esta doen√ßa. No entanto, a estimula√ß√£o excessiva do sistema nervoso simp√°tico parece estar no centro das altera√ß√Ķes que surgem nesta doen√ßa. Fatores hormonais como a descida dos níveis de estrogénio que ocorre nas mulheres após a menopausa; algumas doen√ßas psiqui√°tricas, com destaque para quadros de depress√£o e ansiedade; doen√ßas neurológicas como o Acidente Vascular Cerebral, Hemorragia Subaracnoídea (um tipo de hemorragia que acontece no interior do cr√Ęnio) ou Enxaqueca, s√£o fatores de risco para o desenvolvimento da síndrome do cora√ß√£o partido.

Notícias ao MinutoIsabel Quelhas¬© DR

A síndrome do cora√ß√£o partido necessita de tratamento?

Embora se trate de uma situa√ß√£o transitória, o fato de ser uma doen√ßa que se pode confundir com um enfarte agudo do mioc√°rdio, e de ser uma situa√ß√£o potencialmente grave ou até mesmo fatal, obriga que um doente que pade√ßa desta síndrome seja admitido num hospital e seja tratado com medicamentos que bloqueiam a a√ß√£o das catecolaminas (hormonas libertadas em situa√ß√Ķes de 'stress').

É seguro recorrer a um hospital em tempo de pandemia?

Os hospitais desenvolveram circuitos de circula√ß√£o dos doentes de acordo com o problema que apresentam. Assim, doentes que apresentem queixas que sugerem a presen√ßa de enfarte agudo do mioc√°rdio, independentemente do seu perfil de risco, devem dirigir-se a uma institui√ß√£o de saúde onde ser√° efetuada a avalia√ß√£o e orientado o tratamento em total seguran√ßa. N√£o tenha receio. Lembre-se que a rapidez de atua√ß√£o é fundamental nestas situa√ß√Ķes!

Fonte: LIFESTYLEAOMINUTO

cuide de voce

Coment√°rios

OBOTICARIO