O XI ideal da Seleção do Japão no século XXI

0
66
O XI ideal da Seleção do Japão no século XXI

Como seriam as grandes seleções do mundo se pudéssemos reunir, nelas, seus grandes craques de diferentes gerações? Para nós que amamos futebol, projetar equipes que rasgam as fronteiras do tempo, com jogadores de épocas distintas, é um exercício maravilhoso de ‘faz de conta’. E o futebol nos permite isso, pois também é sonho e imaginação! Pensando nisso, demos início a mais uma série especial de artigos: o time ideal de cada seleção neste século XXI.

O Japão, por exemplo, não é uma das seleções mais tradicionais do planeta, no entanto, os Samurais Azuis revelaram vários craques nas últimas duas décadas, especialmente do meio de campo para a frente. Confira!

Eiji Kawashima

Japan v Venezuela – International Friendly

Kawashima foi um dos grandes goleiros da Seleção Japonesa no século XXI. O camisa 1 defende o seu país desde 2008, mas se firmou pouco antes da Copa do Mundo de 2010, sendo importante em amistosos preparatórios e na participação dos Samurais no maior torneio de seleções do mundo. Aos 37 anos, ele não conseguiu se colocar no primeiro escalão do futebol mundial.

Hiroki Sakai

Japan v Mongolia – FIFA World Cup Asian Qualifier 2nd Round

Sakai é um dos jogadores japoneses de maior prestígio em seu país, sendo uma referência para a lateral-direita e nome marcante em convocações de Jogos Olímpicos (2012), Copa das Confederações (2013) e Copas do Mundo (2014 e 2018). Além das importantes participações com os Samurais, o camisa 2 ainda construiu uma boa carreira internacional por Hannover, da Alemanha, e Olympique de Marselha, da França, clube que defende atualmente.

Curiosidade: Sakai defendeu o Mogi Mirim, do interior de São Paulo, em 2009.

Maya Yoshida

Japan v Mongolia – FIFA World Cup Asian Qualifier 2nd Round

Yoshida é mais um dos nomes marcantes da Seleção Japonesa na última década, tendo participado dos Jogos Olímpicos (2008 e 2012), da campanha campeã Copa da Ásia de 2011 e das Copas do Mundo (2014 e 2018). Atualmente, ele defende o Sampdoria por empréstimo do Southampton – que defende desde 2012.

Yuji Nakazawa

SC Sagamihara v Giravanz Kitakyushu – J.League J3

Nakazawa marcou época na Seleção do Japão, tendo disputado mais de 70 partidas com a camisa de seu país, incluindo amistosos, duas Copas do Mundo (2006 e 2010) e ainda dois títulos de Copa da Ásia (2000 e 2004), além de participação em 2007. Aposentado, ele atuou praticamente durante toda a sua carreira no futebol japonês.

Curiosidade: Nakazawa deu largada em sua carreira no América-MG no final da década de 1990.

Yuto Nagatomo

Japan v Mongolia – FIFA World Cup Asian Qualifier 2nd Round

Nagatomo tem um currículo pesado, com passagens por Inter de Milão e Galatasaray (clube que defende atualmente). Reconhecido, o lateral-esquerdo de 33 anos disputou 111 partidas pela Seleção do Japão e se consolidou como um dos grandes da história do futebol de seu país, sendo campeão da Copa da Ásia, em 2011, e participando a competição em outras duas oportunidades: 2015 e 2019, além de três Copas do Mundo (2010, 2014 e 2018) e de convocação para Copa das Confederações de 2013.

Yasuhito End?

Yokohama F.Marinos v Gamba Osaka – J.League Meiji Yasuda J1

Lenda, End? atuou durante toda a carreira no Japão, sendo um dos ícones do futebol de país, especialmente do Gamba Osaka, que defende há mais de 19 anos. Além de capitão e sucesso na equipe, o meio-campista também se firmou na Seleção, com 152 partidas jogadas, três Copas do Mundo (2006, 2010 e 2014) e quatro Copas da Ásia (2004, 2007, 2011 e 2015).

Shunsuke Nakamura

Yokohama F.Marinos v Vissel Kobe – Xerox Super Cup

Nakamura também é um dos Samurais da “velha guarda”. Aos 41 anos, o meio-campo defende o Yokohama, do Japão, e tem contrato até o começo de 2021. Em seu período na Seleção, entre 2000 e 2010, o meia foi um dos pilares do esquadrão, participando de 60 partidas, duas Copas do Mundo (2006 e 2010), três Copas da Ásia (2000, 2004 e 2007), com títulos nas duas primeiras, e ainda de duas Copas das Confederações (2003 e 2005).

Keisuke Honda

Sanfrecce Hiroshima v Melbourne Victory – AFC Champions League Group F

Atualmente no Botafogo, Honda é um dos maiores jogadores da história do futebol japonês, tendo grandes momentos no Milan e no CSKA Moscou. Há mais de 10 anos na Seleção, o meia-atacante disputou 91 partidas, incríveis três Copas do Mundo (2010, 2014 e 2018), duas Copas da Ásia (2011 e 2015) e ainda uma Copa das Confederações (2013). Ídolo, o camisa 10 briga no “top-5” do país.

Hidetoshi Nakata

J Amigos v Yokohama Friends – Daisuke Oku Memorial Match

Nakata surgiu muito bem no final do século passado, mas se firmou no começo da década de 2000 com a camisa da Roma e do Parma. O meia-atacante é considerado um dos jogadores mais completos da história do futebol japonês e um dos maiores símbolos esportivos do país, com participação em três Copas do Mundo (1998, 2002 e 2006) e três Copas das Confederações (2001, 2003 e 2005).

Shinji Kagawa

Malaga v Real Zaragoza – La Liga Smartbank

Craque, Kagawa tem um dos currículos mais pesados do futebol japonês, tendo atuado pelos gigantes Borussia Dortmund e Manchester United. Aos 31 anos, o habilidoso meia-atacante soma 89 partidas pela Seleção do Japão, com duas Copas do Mundo (2014 e 2018), duas Copas da Ásia (2011 e 2015) e uma Copa das Confederações (2013), na conta.

Shinji Okazaki

Malaga CF v RCD Mallorca – Pre-Season Friendly

Goleador, Okazaki é a principal referência do ataque japonês, com 43 gols marcados em 109 partidas. O atacante é nome certo na lista de convocados do país há mais de 12 anos, tendo participado de três Copas do Mundo (2010, 2014 e 2018), duas Copas da Ásia (2011 e 2015) e de uma Copa América (2019).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui