Vereador Tabosa apoia pequenos empreendedores do Coophasul

0
11

Seguindo o modelo adotado por algumas comunidades de Campo Grande, que criaram ambientes para fomentar pequenos negócios através de feiras, a exemplo da Feira da Bolívia e Bosque da Paz, os moradores do Coophasul também iniciariam este movimento para possibilitar que pequenos negócios saíssem do papel e tornassem realidade, com a realização de sua própria feira.

Sob a coordenação da professora Janaina Gonçalves dos Santos, o projeto da feira ganhou reforço com o convite feito ao vereador Marcos Tabosa (PP), primeiro por ser morador da região e por ter em suas ações parlamentar um eficiente serviço de apoio aos pequenos empresários, ajudando esse público na Feira da Bolívia e em outros inúmeros empreendimentos que fomentam pequenos negócios nas comunidades das periferias de Campo Grande.

Logo nas primeiras edições da Feira do Coophasul, o número de pequenos negócios cresceram substancialmente, a ponto da quadra de esporte da Praça do Coophasul tornar-se pequena diante do volume de negócios que se apresentava toda segunda sexta-feira de cada mês. Então houve a necessidade de ampliar o espaço para que todo empreendedor tivesse a oportunidade de apresentar e comercializar seu produto.

A ideia da equipe comandada pela professora Janaina foi ocupar os espaços disponíveis fora da quadra, mas dentro da praça. Ocorre que o local estava carente de reparos, com poda de árvores, melhoramento na iluminação pública, ampliação da segurança público e uma infraestrutura adequada para receber visitantes e apoio ao pequeno comerciante.

Acionado pela comunidade, o vereador Tabosa comprou a ideia e já entrou em ação. De imediato solicitou aos órgãos públicos do município, como a Sisep e a Energisa que promoveram a poda das árvores e a troca de lâmpadas para melhorar a iluminação do local e já agendou para o próximo dia 02 de maio uma reunião com os órgãos de segurança, como o Tenente Cel Cesar, comandante da 11ª CIPM e seguida com o secretário Gonzaga da Guarda Municipal, quando solicitará o apoio para melhorar a segurança do local.

“São iniciativas como essas que tornam a vida das pessoas melhor e ajudam a desenvolver uma comunidade. Como parlamentar, eleito pelo povo, meu papel é fomentar projetos que ajudam Campo Grande a ser de fato a Cidade das Oportunidades, onde o apoio público deve ser real e imediato”, afirmou o parlamentar progressista”.

As feiras comunitárias desempenham um papel fundamental nas comunidades, proporcionando diversos benefícios:

Fortalecimento da economia local: As feiras comunitárias apoiam os pequenos empreendedores locais, ajudando a impulsionar a economia da região.

Acesso a produtos frescos e saudáveis: Essas feiras frequentemente oferecem produtos frescos e orgânicos, proporcionando à comunidade acesso a alimentos saudáveis e de qualidade.

Integração social: As feiras são locais onde os moradores da comunidade se encontram, promovendo a interação social e o senso de comunidade.

Cultura e tradição: Muitas feiras comunitárias também incluem aspectos culturais, como música local, artesanato tradicional e gastronomia típica, preservando a cultura e a identidade da comunidade.

Estímulo à sustentabilidade: Ao promover produtos locais e orgânicos, as feiras comunitárias incentivam práticas sustentáveis de produção e consumo.

Educação alimentar: As feiras podem ser espaços para educar a comunidade sobre alimentação saudável e sustentável, por meio de palestras, oficinas e atividades educativas.

Segundo o vereador Tabosa, as feiras comunitárias desempenham um papel importante no fortalecimento das comunidades, na promoção da economia local, na preservação da cultura e no acesso a alimentos saudáveis e sustentáveis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui