- Advertisement -spot_img
13.8 C
Campo Grande
Início Esportes HOMARE SAWA: JOO HEIKA DO FUTEBOL JAPONÊS

HOMARE SAWA: JOO HEIKA DO FUTEBOL JAPONÊS

0
68
HOMARE SAWA: JOO HEIKA DO FUTEBOL JAPONÊS
A coluna Samurais da Bola desta semana apresenta uma das maiores jogadoras de futebol mundial. Além de jogar muito bem Homare Sawa, a ex-atleta enfileira títulos pela seleção, pelos clubes e até mesmo individuais. A atleta é uma referencia quando falamos em futebol feminino no Japão e no mundo.

Nascida em Fuchú, na grande Tóquio, Sawa começou a jogar futebol aos seis anos de idade, quando iria assistir seu irmão treinar. Depois de algum tempo, a menina foi convidada pelo técnico da equipe a começar a treinar com os meninos. Na época com certeza aquela menina jamais imaginou que futuramente iria entrar para a história do futebol feminino.

CARREIRA

EM CLUBES

Homare Sawa começou sua carreira no time NTV Beleza e com apenas 12 anos, a menina fez sua estreia como profissional na L-League. A atacante jogou pelo clube por nove temporadas, a cada temporada a atleta se destacava mais. Sawa foi eleita cinco vezes para o melhor 11 da competição (93, 95, 96, 97 e 98), ainda pelo clube marcou 79 gols em 136 partidas, além disso conquistou três títulos pelo clube.

O sucesso no futebol japonês foi tão grande que em 2001 a atacante foi anunciada pelo Atlanta Beat time da primeira divisão dos Estados Unidos. O clube acabava de ser criado e Sawa já entrava para história do clube, sendo a primeira jogadora a marcar um gol pelo clube. Apesar de ser destaque da equipe onde marcou apenas 13 gols em 55 partidas.

Após uma passagem pelo futebol dos Estados Unidos, Homare Sawa voltou à terra do sol nascente, novamente para defender o NTV Beleza. Com isso, os gols e os títulos também voltaram. Logo no segundo ano, foi eleita a melhor jogadora da Ásia. Ademais, pelo clube conquistou o treta-campeonato de 2005 a 2008, ainda em duas temporadas foi eleita melhor jogadora da competição. Na sua volta foram 47 gols em 85 partidas.

Depois de novamente se destacar no Japão, a atacante voltou ao futebol dos Estados Unidos, dessa vez para defender o Washington Freedom. Contudo a passagem foi bem apagada foram apenas dois anos, onde marcou apenas seis gols em 41 partidas. Ademais, ainda durante a passagem no final da primeira temporada, foi emprestada ao NTV Beleza, lá foram quatros jogos e dois gols, demais no final do contrato jogou novamente pelo NTV onde fez parte da equipe campeã japonesa.


VOLTA AO JAPÃO E FIM DA CARREIRA

Próximo ao fim da carreira, em 2011, Homare Sawa foi anunciada como reforço do INAC Kobe Leonessa, a equipe contava com outras estrelas do futebol mundial. Pelo clube de Kobe, a atacante conquistou outros três títulos japoneses, além do titulo do Mundial de Clubes. A atacante não era tão artilheira e acabou marcando apenas 12 gols em 94 jogos. Em 2015, entrou em campo pela última vez contra o Albirex Nigata, na final da Taça da Imperatriz, a jogadora fez o seu último gol e garantiu o título para INAC.

Em toda sua carreira pelos clubes, Homare Sawa disputou um total de 415 jogos e marcou um total de 159 gols. Por fim, quando o assunto é títulos a jogadora somou 11 títulos da L-League, oito conquistas da Taça da Imperatriz, duas Taças da Liga e um Mundial de Clubes.


CARREIRA PELA SELEÇÃO

Assim como nos clubes, Homare Sawa estreou muito jovem pela seleção Japonesa, aos 15 anos teve sua primeira chance. Logo na sua estreia a atacante marcou quatro gols em uma partida contra as Filipinas. Depois debutar com tanta habilidade a jogadora não deixou mais a equipe titular da seleção.

Em 2011 na Copa do Mundo disputada na Alemanha, Homare Sawa ajudou a seleção a conquistar seu único titulo mundial. A jogadora ainda foi eleita a melhor jogadora e artilheira da competição. Posteriormente em 2012, ajudou o Japão a ganhar a medalha de prata nas Olimpíadas, no final daquele mesmo ano, foi eleita a melhor jogadora do mundo. Além destes títulos, ainda conquistou três Taças da Ásia e uma medalha de ouro dos Jogos Asiáticos. 

Ademais, pelas Nadeshiko, Sawa disputou seis edições da copa do mundo feminina, além das últimas quatro olimpíadas. Por fim, durante toda sua passagem, a atacante marcou 81 gols em 201 partidas, entrando para história da seleção japonesa, onde se tornou a jogador com mais jogos e mais gols marcados.

Foto destaque: Reprodução/Homare Sawa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui