Robôs, cultura oriental e lutas: tudo que queremos ver no anime de Cyberpunk 2077 na Netflix

0
71
Robôs, cultura oriental e lutas: tudo que queremos ver no anime de Cyberpunk 2077 na Netflix

Recentemente, a Netflix e o estúdio de games polonês CD Projekt Red anunciou a produção do anime Cyberpunk: Edgerunners, derivado no jogo Cyberpunk 2077, previsto para lançar no ano de 2022.

O RPG da CD Projekt Red é um dos lançamentos mais aguardados de 2020, por isso uma produção derivada do mesmo universo sci-fi é ainda mais animadora para os fãs. Falamos abaixo do que pode-se esperar do anime.

Robôs e modificação corporal

Cyberpunk 2077 - Night City Wire - Como e quando assistir em ...

Robôs assassinos, criminosos com braços, pernas e vários outros órgãos cibernéticos são a especialidade desse gênero e a área na qual o estúdio japonês Trigger deve explorar mais profundamente a criatividade característica de animes.

Cultura Oriental

VEJA: 25 de minutos de gameplay de Cyberpunk 2077

O mundo Cyberpunk é marcado por uma cultura globalizada, mas predomina a estética oriental, principalmente a de bairros japoneses como Shibuya, em Tóquio, conhecido pelos letreiros de neon e poluição visual excessiva.

O estúdio Trigger deve esses detalhes com mais força do que nunca e com certeza a vida urbana de Tóquio serve de referência para Night City, o cenário de ambos game e anime.

Lutas inacreditáveis

Darling in the Franxx | Review - Suco de Mangá

Vamos ao currículo do estúdio Trigger para saber o que esperar de Cyberpunk: Edgerunners. Dentre os animes mais conhecidos estão o sci-fi de mechas (robôs gigantes) Darling In The Franxx (2018), o shounen de lutas numa escola distópica Kill la Kill (2013).

São animes marcados por muita criatividade em cenas de luta e violência, algo que deve ser o grande destaque de Edgerunners, que terá uma censura maior do que a média de animes produzidos pela Trigger.

Assista ao trailer de Cyberpunk: Edgerunners abaixo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui