Entenda o “inemuri”, hábito japonês de dormir em público

0
56
Entenda o

A grande devoção ao trabalho e à perfeição, além da crença de que ficar acordado até tarde e levantar cedinho da cama enobrece o homem, fizeram a sociedade japonesa se orgulhar de dormir pouco.

Especialmente a partir dos anos 80, quando o estilo japonês de fazer negócios passou a ser reconhecido mundialmente, ter o hábito de dormir muitas horas virou sinônimo de perda de tempo (e de produtividade). Ou seja, algo inaceitável.

Hábitos japoneses

Com isso, tornou-se cada vez mais comum vermos em grandes cidades, como Tóquio, pessoas dormindo no transporte público, nas filas e – pasmem – durante reuniões de trabalho. Isso sem falar nos estudantes que pegam no sono sem pudor durante as aulas.

Como, então, uma sociedade que exalta as poucas horas de sono tolera estes cochilos em público durante o dia – inclusive no trabalho e nas escolas?

Este hábito é conhecido como “inemuri” e, para os japoneses, não é considerado um sinônimo de preguiça ou desatenção. Pelo contrário. O “inemuri” é tolerado justamente por deixar claro que a pessoa se esforça até tarde e pula da cama logo cedo.

Além do mais, o “inemuri” é visto apenas como um relaxamento. As pessoas que adormecem neste estilo permanecem alertas e ao menor sinal de serem solicitadas logo despertam e mostram que não estavam assim tão ausentes.

E você, anda praticando muito o “inemuri”?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui